Latest Posts:

Betta Splendes | Barbatanas Blog


Filo: Chordata
Classe: Actinopterygii
Ordem: Perciformes
Família: Osphronemidae
Género: Betta
Espécie: Betta splendes

Betta!!! Qual o aquariófilo que nunca possuíu pelo menos um exemplar desta espécie?
Pequenos majestosos peixinhos de água doce do Sudoeste Asiático, fazem parte de um grupo de peixes que tem uma particularidade bastante interessante: conseguem respirar oxigénio atmosférico através dum aparelho chamado de Labirinto, quando o oxigénio dissolvido na água não é suficiente. Aliás, existem espécies que requerem oxigénio atmosférico!


Os machos desta espécie são muito agressivos e exibem as suas longas barbatanas (na Natureza mais curtas e de cores menos reluzentes) aos seus adversários contra os quais se mostram de guelras bem abertas! Em aquários, no entanto, é desaconselhável colocar dois machos juntos, pois sem escapatória possível, um deles sucumbirá.

Outra particularidade de muitos organismos que pertencem a esta Família, é a construção do ninho durante a reprodução. Este ninho é contruído com bolhas que o macho forma, retirando ar da superfície e misturando-o com a sua saliva.
Quando pronta, a fêmea coloca-se debaixo do ninho onde ocorrerá o tão famoso "abraço", acto em que o macho enrola-se na fêmea para que esta liberte os ovos. 


Após libertos, a fêmea fica como que num transe momentâneo enquanto que o macho pega nos ovos e cospe-os para o ninho onde ficarão 2-3 dias até centenas de larvas eclodirem. O macho cuida dos mesmo e das crias até estas começarem a nadar livremente, defendendo-as contra todos os intrusos, sejam eles peixes, a própria fêmea ou até a mão do aquariófilo.

Existe uma grande diferença entre os sexos: os machos possuem longas barbatanas e cores mais fortes, enquanto que as fêmeas são mais pequenas, de curtas barbatanas, quando com ovos a sua barriga fica enorme e quando prontas para a reprodução um pequeno ponto branco aparece junto às barbatanas pélvicas.
Apesar de não terem uma vida muito longa, são peixes que simplesmente deixam qualquer um boquiaberto, quer seja pelas suas cores, longas barbatanas ou comportamentos fantásticos.

FACTO: Os bettas são utilizados nas plantações de arroz do seu local de origem como comedores de mosquitos.

Até à próxima!
Share on Google Plus

About João

The author studied Marine Biologist and is a fishkeeper since the age of 12. The most exciting aspect of the hobby for him is to breed fish and develop certain strains of fish and invertebrates.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Enviar um comentário